sábado, 29 de agosto de 2009

Um pouco do meu silêncio....


A Voz Do Silêncio


Pior do que a voz que cala,
é um silêncio que fala.
Simples, rápido!
E quanta força!
Imediatamente me veio à cabeça situações
em que o silêncio me disse verdades terríveis,
pois você sabe, o silêncio não é dado a amenidades.
Um telefone mudo. Um e-mail que não chega.
Um encontro onde nenhum dos dois abre a boca.
Silêncios que falam sobre desinteresse,
esquecimento, recusas.
(...)
É mil vezes preferível uma voz que diga coisas
que a gente não quer ouvir,
pois ao menos as palavras que são ditas
indicam uma tentativa de entendimento.
Cordas vocais em funcionamento
articulam argumentos,
expõem suas queixas, jogam limpo.
Já o silêncio arquiteta planos
que não são compartilhados.
Quando nada é dito, nada fica combinado.
É o silêncio de um, mandando más notícias
para o desespero do outro.
É claro que há muitas situações
em que o silêncio é bem-vindo.
Para um cara que trabalha com uma britadeira na rua,
o silêncio é um bálsamo.
(...)
O único silêncio que perturba,
é aquele que fala.
E fala alto.
(...)
( Martha Medeiros)

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Inspiração do dia...




Às vezes ouço passar o vento; e só de ouvir o vento passar, vale a pena ter nascido.
(Fernando Pessoa)


segunda-feira, 24 de agosto de 2009

sábado, 22 de agosto de 2009

Haikai



Dor da saudade
Nostalgia paira no ar.
Olhar transpira!

Protesto! Amigos...amigos....risos


quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Palavras em trança


Eis que surge a dança
Palavras que se lança
Seria mera semelhança?
Alegres como crianças
Ansiosas de esperança
As palavras seguem sua dança
Alguns a usam com temperança
Outros com vingança
Cada qual com sua pujança
No final segue a andança
De encontrar a esperança
Mesmo que seja na dança ou
Quem sabe na contradança.

sábado, 15 de agosto de 2009


Me apetece...
Coisas simples da vida.

video

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

No seu passo
meu compasso.
No seu abraço
me satisfaço.
No seu enlaço
me desfaço.
No seu espaço
me devasso
me perfaço
me traço.